Nova Escola do Campo avança com construção de passarela e quadra em Araras, SP

Prefeitura Municipal retomou obra da unidade, que funcionava no Elhiu Root e foi desativada em 2013; escola tem capacidade para atender até 250 crianças.

As obras na Emeief Ivan Inácio de Oliveira Zurita, conhecida como Escola do Campo, seguem em andamento para conclusão da unidade, que atende alunos da região rural da cidade. Entregar o novo prédio, totalmente reestruturado, é um compromisso da atual administração.

A Prefeitura Municipal retomou a construção da escola em março deste ano, após resolver um impasse que já se arrastava há anos. “A Escola do Campo é uma obra que estava com problemas há anos e, com trabalho sério, conseguimos resolvê-los de uma vez por todas. Investir nas nossas crianças é garantir um futuro melhor para a nossa cidade”, observou o prefeito Junior Franco.

Ele participou de visita técnica no local esta semana, acompanhado pelo vice-prefeito Carleto Denardi, pelos secretários Bruno Roza (Educação) e Paulo Bertolini (Planejamento) e pelos vereadores Marcelo de Oliveira e Deise Olímpio. Atualmente, os serviços se concentram na construção de uma passarela que vai interligar os pavilhões e também da quadra poliesportiva, além da regularização do piso para a colocação do ladrilho. A unidade terá capacidade para atender até 250 crianças em período integral.

clique na imagem e saiba mais

A antiga Escola do Campo, que funcionava no Elhiu Root, foi desativada em 2013 e os alunos, transferidos do local para a construção do novo prédio – atualmente, eles são atendidos no CAEE Ettore Zuntini. A obra teve vários problemas ao longo dos anos e estava parada desde que a empresa vencedora da última licitação abandonou o serviço, em 2018.

“A empresa abandonou a obra e o contrato foi rescindido. O caso deu origem a um processo judicial”, acrescentou o secretário de Planejamento, Gestão e Mobilidade, Paulo Bertolini.

No ano passado, paralelamente a esse processo, a Prefeitura abriu uma nova licitação para conclusão da Escola do Campo e a vencedora foi a empresa Prodex Construtora e Comercial. O valor total da obra é de R$ 2.671.670,05, dos quais R$ 1.420.631,44 são recurso do Governo Federal, via FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) e R$ 1.251.038,61 contrapartida do município.