Operação Sufoco detém 40 pessoas, apreende 5 toneladas de drogas e combate os crimes eletrônicos em SP

Em dois dias de operação foram recolhidas armas de fogo, alta quantia em dinheiro nacional e estrangeiro, carros de alto valor, drogas, celulares e cartões bancários.

As Polícias Civil e Militar detiveram 40 pessoas nos dois primeiros dias da operação “Sufoco”, iniciada nesta quarta-feira (04) para combater os roubos e a criminalidade em geral, com destaque para os delitos cometidos por falsos entregadores de delivery.

O Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (DENARC) apreendeu três fuzis, calibres 7.62, modelos AR10, estimados em R$ 180 mil, na cidade de Sumaré, região de Campinas. Após investigações, os policiais descobriram que, para não chamar a atenção, a quadrilha despachou as armas por uma transportadora como peças de automóvel. Eles pretendiam roubar a carga antes que chegasse no destino informado pelo remetente. No percurso, o veículo da transportadora foi interceptado e vistoriado, resultando na apreensão das armas.

A Polícia Militar Rodoviária, do 2° BPRv, abordou um veículo “bitrem tanque” na praça de Pedágio de Piratininga e, ao realizar vistoria nos tanques, localizou 5,3 toneladas de maconha. A droga foi apreendida e o motorista foi preso em flagrante. O caso foi encaminhado para a Delegacia da Polícia Federal de Bauru.

Crimes eletrônicos

Policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), por meio da 5ª Delegacia de Polícia de Investigações Sobre Furtos e Roubos a Bancos (5ª DISCCPAT) prenderam um homem e uma mulher que integravam uma quadrilha que aplicava golpes pelo WhatsApp. O principal alvo eram os idosos, que transferiram valores para ajudar supostos parentes, que estariam em situação de emergência. Com as prisões, foi possível identificar um terceiro suspeito que a polícia busca deter nos próximos dias. Três vítimas foram localizadas e ouvidas, caracterizando o fragrante e a associação criminosa.

Policiais da Delegacia Especializada em Investigações Criminais de São Bernardo do Campo prenderam um técnico em eletrônica por receptação qualificada e apreenderam em sua casa 16 celulares e equipamentos de tecnologia capazes de desbloquear celulares. Na loja que ele tinha de assistência a este tipo de equipamento, foram apreendidos mais 325 celulares, sendo oito produtos de crimes registrados em boletins de ocorrências, e muitos sem a numeração do IMEI. O seu sócio também foi indiciado.    

Policiais Militares do 28º BPM, com apoio das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota), prenderam um homem que havia roubado um Renault Master e sequestrado o motorista. Um dos envolvidos foi detido na Rua Igarapé Água Azul. A vítima foi encontrada em Itaquaquecetuba por PMs da Rota e disse que tinha sido obrigada a fazer transferências via PIX no valor de R$ 8 mil.

A Operação Sufoco é integrada pelas policias Civil e Militar (PM e PC) e a Guarda Civil Municipal (GCM), com o efetivo policial dobrado, por meio de diárias extras pagas aos policiais (Dejem/Dejec) e da Atividade Delegada, realizada em parceria com a Prefeitura de São Paulo. São 4.740 policiais adicionais em jornadas extras, o que permitirá quase dobrar o número de policiais nas ruas. O efetivo conta com o apoio de 1.500 viaturas a mais nas ruas, sendo 500 para pronta-resposta às demandas da população. Há também o uso de cinco helicópteros da Polícia Militar e um da Polícia Civil.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP