Padre é levado para a delegacia por estar com a igreja aberta durante “Sexta-feira Santa” em Limeira, SP

A GCM recebeu denuncia onde a igreja estaria aberta e com aglomeração de pessoas no local.

Na tarde desta sexta-feira (02), o padre Júlio Barbado da paróquia Jesus Cristo Bom Pastor, no Jardim do Lago, em Limeira (SP), foi conduzido ao plantão policial, após fiscalização da vigilância sanitária.

Em nota, a paróquia informou que o padre foi levado a delegacia por estar com a igreja aberta durante a fase emergencial do Plano SP. A GCM recebeu denuncia onde a igreja estaria aberta e com aglomeração de pessoas no local.

Nota à Imprensa

No inicio da tarde desta Sexta-feira Santa, 2 de abril, padre Júlio Barbado, pároco da paróquia Jesus Cristo Bom Pastor, de Limeira, foi conduzido à delegacia, por livre e espontânea vontade, para dar esclarecimento sobre o fato da igreja estar aberta neste dia.

Acreditamos ter havido um mal-entendido por parte das agentes municipais da Vigilância Sanitária, pois, no momento da visita à igreja, não havia aglomeração, fato esclarecido pelo padre Júlio em seu depoimento ao delegado de plantão.
Importante ressaltar que o decreto do governo estadual para esta fase emergencial do Plano São Paulo estabelece que estão suspensas as missas presenciais, evitando, assim, aglomeração de pessoas, contudo não impede que as igrejas fiquem de portas abertas para que os fieis que desejarem, principalmente em um dia tão significativo para todos os católicos, possam ter momentos de oração, sempre respeitando as normativas estabelecidas pelas autoridades sanitárias.

Assessoria de Imprensa
Diocese de Limeira

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT