Pai que matou assassino do filho é preso pela Polícia Militar, após 4 anos do crime durante ação em Conchal, SP

Ele disse que não se arrepende, e afirmou que assim que sair da cadeia vai matar o restante.

Na noite desta quinta-feira (17), equipes de Força Tática (sargento Ricerdo, cabo Belucci, soldado Gallo e soldado Viana), e ROCAM (cabo Roberto e soldado Perissato), receberam informações que um homem procurado por dois homicídios no município de Leme (SP), estaria escondido pelo município de Conchal (SP).

Imediatamente os policiais militares, sob o comando do sargento Ricardo, iniciaram diligências, quando a equipe de ROCAM acabou visualizando o veículo em que ele estava, realizando abordagem. Inicialmente ele apresentou um nome falso, mas depois acabou confessando que era ele mesmo, inclusive levou os policiais até sua residência, onde foi apreendida uma arma cal. 38 de fabricação caseira.

Diante dos fatos, José Moreira recebeu voz de prisão em flagrante, foi conduzido ao plantão da Central de Polícia Judiciária, onde em conversa com a nossa reportagem (assista abaixo), ele disse que o primeiro homicídio, ele matou um bandido que o assaltou, e ele teria ganho na Justiça, mas o segundo, cometido há cerca de 4 anos, ele vingou a morte de seu filho, que tinha envolvimento com o tráfico de drogas, e foi espancado até a morte.

“O cara matou o meu filho, eu fui e matei ele também e não estou arrependido. Só o que eu ruim é que minha esposa vai sofrer muito, eu também vou sofrer muito preso, mais ele matou filho de homem. Não foi só ele, foram em cinco vagabundos, e eu fui atrás dos outros, como não encontrei…, tinha mais pra derrubar, e quando eu sair vou atrás novamente”, disse José.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT