Patrulha Maria da Penha inicia atendimentos na próxima sexta-feira em Araras, SP

O aplicativo apresenta uma interface disfarçada para que o agressor não desconfie que aquilo se trata de uma plataforma de denúncia.

A Guarda Civil Municipal de Araras (SP), oficializa na próxima sexta-feira (26), a Patrulha Maria da Penha, uma importante ferramenta para as mulheres denunciarem casos e situações de violência doméstica. O aplicativo apresenta uma interface disfarçada para que o agressor não desconfie que aquilo se trata de uma plataforma de denúncia.

Dessa forma, a vítima consegue pedir ajuda sem precisar dizer nenhuma palavra. O aplicativo, chamado “Está acontecendo”, e que pode ser baixado de graça, possui quatro botões coloridos que indicam os vários tipos de situação: “Ajuda”, “Ameaça”, “Assédio” e, por fim, o principal deles, chamado a viatura Patrulha Maria da Penha.

Quando este botão é acionado, o aplicativo gera uma conversa de WhatsApp, com link de geolocalização, que é enviada à central da GCM. Ao receber esse tipo de mensagem, a equipe já dispara o alerta a uma viatura, que é enviada ao local onde está acontecendo o caso de violência. Acompanhe abaixo:

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT