Pedreiro morre e mãe e filhas são baleadas durante assalto à residência no litoral de SP

Quatro suspeitos foram presos e um menor foi apreendido. Caso ocorreu em uma residência em Itanhaém, SP.

Um pedreiro morreu e outras três pessoas ficaram baleadas durante um assalto a uma residência em Itanhaém, no litoral de São Paulo, na noite desta sexta-feira (24). Duas adolescentes, de 17 e 12 anos, e a mãe delas foram levadas para o hospital. Quatro criminosos foram presos e um menor foi apreendido.

Segundo informações da PM, a equipe foi acionada via Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), por volta das 19h10, para um roubo à residência, que teria ocorrido na Rua Francisco Teodoro Ramos, no bairro Suarão. No local, os policiais encontraram quatro pessoas baleadas.

De acordo com os bombeiros, equipes da corporação também foram acionadas e prestaram apoio aos policiais militares. “Juntamente com a viatura dos bombeiros, conseguimos verificar os sinais vitais das vítimas e fomos as socorrendo”, disse o tenente Alberto Antunes de Souza, da Polícia Militar, em entrevista à TV Tribuna.

Um dos atingidos foi um pedreiro de 44 anos que estava trabalhando na residência. Ele estava amarrado, quando foi encontrado, e morreu no Hospital Regional de Itanhaém. As outras vítimas eram da mesma família, sendo uma mulher (mãe), de 41 anos, e as filhas dela, de 17 e 12 anos. “Sobre as outras três vítimas que são da mesma família, a mãe e a filha de 12 anos se encontram estáveis, porém, a menina de 17 anos foi transferida ao Hospital Irmã Dulce, em Praia Grande, em estado gravíssimo”, explicou o tenente.

Entre itens apreendidos com os assaltantes em Itanhaém, SP, estava uma arma — Foto: Luciana Moledas/g1

O motivo será apurado pela Polícia Civil

Segundo o policial militar, os ferimentos das vítimas se encontravam todos na região da cabeça. “O motivo será apurado pela Polícia Civil. O que se parece é que os bandidos foram realizar um roubo e houve uma certa resistência por parte da parte masculina, que acabaram por alvejar. E que a mãe também, no calor da emoção, acabou reagindo e também foi atingida”, diz. Em seguida, as menores foram baleadas.

Os criminosos roubaram um carro que estava na garagem do imóvel e fugiram após o crime. Com informações de colaboradores, os policiais militares foram até uma pousada, no bairro Ivoty, onde localizaram um suspeito escondido em um dos quartos e a arma do crime. Um veículo vermelho, utilizado por eles, foi localizado na Rua Piracicaba, no bairro Nova Itanhaém.

Além disso, os policiais miltares abordaram um carro prata, que poderia estar envolvido no crime, no km 322 da Rodovia Padre Manoel da Nobrega sendo que em seu interior estavam mais um homem e outras duas mulheres, suspeitos que participarem do roubo. Todos foram levados para a Delegacia de Itanhaém, onde o caso foi registrado. A Polícia Civil prossegue com as investigações sobre o crime.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT