Pesquisa com participação da Agricultura de SP é reconhecida por revista científica

Publicado pela Universidade de Cambridge, periódico Animal é referência internacional na área de produção e manejo.

Uma pesquisa desenvolvida pela Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado, em colaboração com universidades e empresas foi escolhida “artigo do mês” da edição de outubro de 2020 da revista científica Animal.

Publicado pela Universidade de Cambridge, no Reino Unido, o periódico é referência internacional na área de produção e manejo animal. Finalizada em 2018, a partir do projeto de mestrado da zootecnista Letícia Custódio, a pesquisa passou pelos trâmites editoriais e o artigo científico foi publicado sob o título Mycotoxin-contaminated diets and an adsorbent affect the performance of Nellore bulls finished in feedlots.

Com participação dos pesquisadores Flávio Dutra de Resende, Gustavo Rezende Siqueira e Laura Franco Prados, do Polo Regional de Colina da APTA, o trabalho abordou o impacto das micotoxinas (toxinas produzidas por fungos) sobre o desempenho do gado de corte terminado em confinamento – tema que, defendem os autores, é frequentemente ignorado nos sistemas de produção. Adicionalmente, os pesquisadores buscaram mostrar como a adição de substâncias adsorventes à ração poderia minimizar esses impactos.

clique na imagem e saiba mais

O estudo, que acompanhou 100 animais Nelore por um período de 97 dias, concluiu que a contaminação da ração por micotoxinas pode afetar negativamente o desempenho dos bovinos em parâmetros como ganho médio diário, peso corporal final e ganho de carcaça. Os adsorventes, por outro lado, mostraram-se capazes de mitigar estes impactos.

O artigo (em inglês) pode ser consultado pela internet.