PM Ambiental encontra tatu se afogando em alto mar e o devolve ao habitat natural em Cajati, SP

Principal hipótese da equipe ambiental é que animal tenha corrido para o mar para despistar predadores.

Um tatu foi resgatado enquanto se afogava em um rio de Cajati (SP), na manhã de sábado (5). De acordo com a Polícia Militar Ambiental, o animal foi devolvido à natureza logo após o resgate, já que não estava ferido ou apresentava sinais de cansaço.

Uma equipe da PM Ambiental navegava pelo Rio Ribeira, durante uma ação para coibir a pesca predatória, quando encontrou um animal silvestre se afogando na água. De acordo com os policiais, o animal estava em alto mar, se debatendo na tentativa de não se afogar.

A equipe chegou perto do animal com a embarcação e, quando conseguiu alcançá-lo e fazer o resgate, percebeu que se tratava de um tatu. O animal, segundo a PM Ambiental, não apresentava ferimentos ou sinais de exaustão.

clique na imagem e saiba mais

Por conta disso, a equipe decidiu devolvê-lo imediatamente ao seu habitat natural. Para isso, eles foram até o Parque Municipal Morro do Espia, na mesma cidade, e o reintegraram à natureza.

A Polícia Militar Ambiental afirmou que uma das hipóteses para que o tatu tenha sido encontrado em alto mar seja a fuga de predadores e que, em um momento de desespero, o animal possa ter entrado no mar para despistar um predador e não percebeu quando não conseguiria mais voltar à margem.