Polícia Ambiental apreende mais de 100 kg de peixe e doa para asilos de Porto Ferreira, SP

As carnes foram apreendidas em comércios que deixaram de apresentar a declaração do estoque.

A Polícia Ambiental de Santa Rita do Passa Quatro (SP) apreendeu mais de 100 quilos de peixe durante duas ações em Porto Ferreira (SP), na sexta-feira (22). As carnes foram apreendidas em comércios que deixaram de apresentar a declaração do estoque e doadas para dois asilos da cidade.

Na primeira ação, a polícia recebeu uma denúncia sobre o comércio de peixes nativos sem a devida origem legal. No local, eles constataram um freezer contendo 39,968 quilos de pescado nativo das espécies dourado, curimbatá e piapara. Além da apreensão da mercadoria, o dono do estabelecimento recebeu uma multa de R$ 1.478,36.

clique na imagem e saiba mais

Na segunda ação, os policiais encontraram peixes sendo comercializados sem a devida origem legal, após uma denúncia. Foram apreendidos 73,1 quilos de pescado nativo das espécies pintado, curimbatá, piapara, tuvira, pacu-caranha, cascudo-abacaxi e lambari.

O dono do estabelecimento foi multado em R$ 2.162. A Polícia Ambiental informou que os peixes foram destinados para as instituições filantrópicas Solar Jovens de Ontem e Casa Reamar.

ÁGIL DPVAT