Polícia Ambiental flagra cavalo em situação de maus-tratos e apreende espingardas

Segundo a polícia, foram vistoriados dois sítios e os proprietários serão investigados em liberdade. Dono do animal também recebeu multa de R$ 3 mil.

A Polícia Ambiental flagrou um cavalo em situação de maus-tratos no sábado (24), na zona rural de Agudos (SP). Segundo a corporação, o animal foi encontrado muito magro, ferido e sem água e alimentação em um sítio da cidade.

De acordo com a Polícia Ambiental, equipes de Bauru (SP) foram atender a uma denúncia no bairro Serraria, em Agudos. Quando os policiais se aproximaram das propriedades, encontraram um homem saindo de uma área de mata nativa.

Durante a abordagem, ele confessou à equipe que praticava caça de animais silvestres com um vizinho. Na casa do suspeito, os policiais encontraram duas espingardas, munições e material para recarga.

clique na imagem e saiba mais

No mesmo local, a polícia flagrou o cavalo sendo mantido em situação de maus-tratos. O animal foi levado para uma ONG de Bauru, onde receberá cuidados veterinários.

Na casa do vizinho, também foram apreendidas munições e uma espingarda. Segundo a corporação, as armas de fogo não possuem procedência legal. Os materiais foram apreendidos e levados para a delegacia de Lençóis Paulista (SP).

A Polícia Ambiental informou que os proprietários das armas foram ouvidos e serão investigados em liberdade. No entanto, para o dono do cavalo, também foi elaborado um auto de infração ambiental no valor de R$ 3 mil.