Pássaros foram recolhidos e serão soltos para voltar ao habitat natural.

A Polícia Ambiental recuperou na quarta-fira (7) cinco aves silvestres que eram mantidas em cativeiro em uma casa de Rio Claro (SP). O dono do imóvel não tinha licença e foi multado em R$ 3 mil.

Os policiais receberam um denúncia anônima e foram até a residência. Ao chegar ao local, eles se depararam com seis aves: dois canários-da-terra, um bigodinho, um graúna, um papagaio e um trinca-ferro.

Gaiolas que as aves estavam foram destruídas pela Polícia Ambiental de Rio Claro — Foto: Polícia Ambiental/Divulgação

Segundo a polícia, apenas o trinca-ferro possuía anilha fechada. Não havia sinais de maus tratos com as aves.

O proprietário foi autuado e irá responder por crime ambiental. Os passáros foram recolhidos e quatro deles foram soltos ao habitat natural. As gaiolas foram destruídas.


Aviso: Os comentários só podem ser feitos via Facebook e são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, sendo passível de retirada, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Tem uma sugestão de reportagem? Nos envie através do WhatsApp (19) 99861-7717.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here