Polícia Ambiental resgata arara-canindé em ferro-velho de Campinas, SP

Corporação aplicou multa de R$ 5 mil ao responsável. Espécie está ameaçada de extinção.

A Polícia Militar Ambiental resgatou no sábado (26) uma arara-canindé que estava em cativeiro no bairro São Jose, em Campinas (SP). A corporação aplicou multa de R$ 5 mil ao responsável. A ave está na lista de espécies ameaçadas de extinção.

Segundo a polícia, o animal era mantido em uma gaiola dentro de um ferro-velho e foi encontrado durante a uma fiscalização ambiental. A ave não apresentava ferimentos e foi encaminhada para avaliação veterinária no Parque Bosque dos Jequitibás.

clique na imagem e saiba mais

A multa equivale ao definido pela Resolução 48 de 2014 da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SMA), que determina autuação para quem mantiver em cativeiro espécies da fauna silvestre sem permissão, licença ou autorização da autoridade ambiental competente.

A corporação informa que a atividade predatória do homem já causou a extinção dessa espécie em países como Trinidad e Tobago, Paraguai e Bolívia.