Polícia Ambiental resgata duas Araras-canindé mantidas em cativeiro na cidade de Piracicaba, SP

As aves estavam dispostas em um viveiro, com água e comida a disposição, abrigadas das intempéries e sem sinais de maus tratos.

Nesta terça-feira (20), os policiais militares ambientais cabo Duprê, soldado Claudino e soldado Magalhães, durante fiscalização pelo município de Piracicaba (SP), comparaceram bairro Distrito Industrial, onde constataram a existência duas aves silvestres da espécie “Arara Canindé”, mantidas em cativeiro.

De acordo com informações, os pássaros estavam identificadas com anilhas as quais uma delas apresentava numeração divergente em relação as notas fiscais apresentadas, ressaltando que as aves estavam dispostas em um viveiro, com água e comida a disposição, abrigadas das intempéries e sem sinais de maus tratos.

Diante dos fatos foi elaborado o respectivo Auto de Infração Ambiental, com sanção de multa simples valorado em R$ 5.000,00 (cinco mil reais) por “ter em cativeiro espécime animal silvestre constante em lista de ameaçados sem autorização”, permacendo ave com anilha divergente depositada ao proprietário em caráter precário até deliberação do Atendimento Ambiental.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT