Polícia Civil apreende adolescente suspeito de matar jovem com tiros na cabeça em baile funk

Crime aconteceu no último dia 16 durante discussão em uma praça. Suspeito foi identificado após trabalho de investigação da Polícia Civil e entregou a arma utilizada na ação.

A Polícia Civil, através da 3ª Delegacia de Investigações de Homicídios da DEIC de Bauru (SP), apreendeu na terça-feira (1º) um adolescente de 16 anos suspeito de matar um jovem com tiros na cabeça durante um baile funk na cidade. O crime aconteceu na madrugada do último dia 16 em uma praça no Jardim Petrópolis, onde ocorrem “pancadões”.

Segundo o delegado responsável pelas investigações, Cledson Nascimento, a polícia apurou que houve uma discussão envolvendo dois grupos no local. A vítima teria tentado intervir na briga quando foi atingida por dois disparos.

Giovane Silvério da Silva, de 23 anos, morreu no local. Desde então, a Polícia Civil iniciou um trabalho de investigação e identificou o suspeito após depoimento de testemunhas.

clique na imagem e saiba mais

Segundo o delegado, o autor dos disparos foi identificado como um adolescente de 16 anos que tinha saído recentemente da Fundação Casa, onde cumpriu medida sócio educativa por participar de outro homicídio em 2018. A polícia informou que ele estava em liberdade há cerca de 45 dias.

A Polícia Civil representou pela internação provisória do suspeito na Vara da Infância e Juventude e cumpriu mandados de busca e apreensão nesta segunda-feira (30). Segundo o delegado, o adolescente se apresentou na delegacia nesta terça-feira (1º), acompanhado de advogado, e confessou o crime.

Ele também entregou a arma utilizada na ação e, após exame de corpo de delito, foi transferido para cela especial, aguardando vaga na Fundação Casa.