Polícia Civil de SP compra 10 mil novas pistolas 9mm e 200 carabinas

Adquiridas por meio de pregão internacional, armas deverão ser entregues aos policiais no início de 2022.

A Polícia Civil do Estado de São Paulo publicou no Diário Oficial do Estado (DOE) o resultado do pregão internacional para a aquisição de 10 mil pistolas calibre 9mm e 200 carabinas. Ao todo, seis empresas participaram dos dois certames que foram realizados no início da semana no Palácio da Polícia, no centro da capital. 
 
Quatro empresas participaram do pregão para fornecer as 10 mil pistolas calibre 9mm. A melhor oferta foi a da Glock America S.A, cuja oferta foi de US$ 355,96 por unidade, considerando o valor do dólar do dia 13/08/2021, cuja cotação foi de R$ 5,2474.
 
Já para o pregão das 200 carabinas, foram credenciadas duas empresas. Após os lances, a Israel Weapon Industries Ltda foi a vencedora, com o valor unitário em U$2.571,97, considerando o valor do dólar do dia 16/08/2021, cuja cotação foi de R$ 5,2489.
 
Agora ambas as empresas terão até 10 dias para apresentar as amostras das armas que serão submetidas a diferentes testes. Posteriormente, há fase de habilitação das empresas. A estimativa de entrega das armas é para janeiro de 2022. 
 
Programa de modernização
Além dos armamentos, a Polícia Civil também está investindo em equipamentos de segurança para os policiais. Na última quarta-feira (18), foram adquiridos 4.455 coletes balístico, por meio de um pregão eletrônico, com investimento total de R$ 6,9 milhões.  Desde o início da atual gestão, já foram entregues à Polícia Civil 4.470 pistolas semiautomáticas calibre .40 e 36 carabinas, com investimento de mais de R$ 12,3 milhões e 17.150 coletes com investimento de R$ 11,7 milhões

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT