Polícia Civil prende dupla por manter quatro mulheres como reféns por 2h e torturar empresária durante roubo a loja

PUBLICIDADE

Segundo a corporação, um dos presos é integrante de uma facção criminosa.

Uma dupla suspeita de manter quatro mulheres como reféns durante um roubo a estabelecimento comercial e torturar física e psicologicamente a dona da empresa foram presos pela Polícia Civil, na manhã desta sexta-feira (22), em Piracicaba (SP).

O crime ocorreu no último dia 13 de julho em uma loja no Centro da cidade. Segundo a corporação, as vítimas foram ameaçadas durante duas horas e foram roubados os pertences pessoais delas e um veículo Fiat/Toro. As investigações e prisões foram realizadas pela 1ª Delegacia de Investigações Gerais (DIG), com apoio do Grupo de Operações Especiais (GOE), 2ª Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) e 3ª Homicídios.

PUBLICIDADE

No dia seguinte ao crime, foi solicitada a prisão temporária da dupla e mandado de busca e apreensão, o que foi autorizado pela Justiça. As prisões foram realizadas na Avenida Bairro Verde, no bairro Pauliceia, e na Comunidade Renascer, nesta sexta, em operação iniciada às 7h40. Também foram apreendidos os celulares dos dois. Ambos ficaram presos na Delegacia Participativa, à disposição da Justiça.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP