Polícia Civil prende suspeito de agredir e arrancar roupas de morador para roubar carro

Jovem de 21 anos foi localizado no distrito de Potunduva; comparsa no crime segue foragido. Celular roubado foi encontrado em bairro da cidade com jovem de 19 anos, que também foi preso.

Um dos suspeitos de agredir e arrancar partes da roupa de um morador durante um assalto, em Jaú (SP), foi preso pela Polícia Civil. O crime foi registrado no dia 19 de setembro.

Na ocasião, dois rapazes invadiram a garagem de uma residência na Vila Maria Luiza II e roubaram o carro, dinheiro e celulares de um casal de moradores que entrava em casa. A dupla agrediu o morador com tapas, socos e chutes e ainda arrancou parte de suas roupas.

clique na imagem e saiba mais

Após investigação com base nas imagens do circuito de segurança, policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jaú cumpriram quatro mandados de buscas e um de prisão e prenderem um rapaz de 21 anos em Potunduva, distrito de Jaú. Segundo a polícia, o suspeito admitiu a participação no crime. O outro homem que aparece nas imagens praticando as agressões e o roubo segue foragido.

Um dos celulares roubados do casal também localizado. O aparelho estava com um jovem de 19 anos em uma casa do residencial Frei Galvão, em Jaú. O rapaz foi indiciado pelo crime de receptação dolosa e também foi preso em flagrante.