Polícia deflagra “Operação Ostentação” e prende 14 pessoas envolvidas com o tráfico de drogas em Pirassununga, SP

A ação teve o apoio do 10º BAEP – Batalhão de Ações Especiais de Polícia, e também do TOR – Tático Ostensivo Rodoviário e Policiamento Ambiental.

Uma ação batizada de “Operação Ostentação” foi realizada na manhã desta sexta-feira (16) na cidade de Pirassununga (SP), e terminou com mais de 10 pessoas presas. De acordo com informações, tudo teve início após uma investigação feita pela Polícia Civil, há dois meses, com a prisão em flagrante de duas pessoas.

clique na imagem e saiba mais

Com essas duas prisões, foi iniciada uma nova investigação, onde as equipes de inteligência conseguiram levantar mais sete pessoas envolvidas, dentro desse inquérito de tráfico de drogas. Foram solicitadas essas sete prisões temporárias, para cumprimento em conjunto com a Polícia Militar.

Além dessa investigação de tráfico de drogas, que ocorria principalmente na zona norte do município, os policiais também conseguiram a prisão preventiva de um outro indivíduo, em um caso também de flagrante delito. São ocorrências apresentadas pela Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Civil Municipal, que estão sempre realizando ações de combate ao crime pela cidade.

Além desses mandados, outros cinco também foram cumpridos pelas equipes ao longo do dia, que terminou com a soma de 14 pessoas presas por tráfico de drogas em flagrante delito. A ação teve o apoio do 10º BAEP – Batalhão de Ações Especiais de Polícia, e também do TOR – Tático Ostensivo Rodoviário e Policiamento Ambiental.

Ao todo 19 mandados de busca domiciliares, 07 mandados de prisão temporária, 01 mandado de prisão preventiva, todos com vistas ao combate ao tráfico de drogas, bem como 01 mandado condenatório (regime semi aberto), além da lavratura de 03 autos de prisão em flagrante delito por tráfico de drogas e 02 Termos Circunstanciados por porte de droga. 

Foram apreendidos, no total a quantia de R$9.593,00 em dinheiro, 34 objetos, 05 notebooks/tablets, 27 celulares, 673,74 gramas de maconha, 266,89g de cocaína. A ação levou o nome “ostentação”, por conta das postagens da grande maioria dos investigados nas redes sociais, participando de festas com whisky e cervejas caras, dinheiro e carrões, sem saber que seus passos estavam sendo monitorados pela polícia.