Polícia Federal prende técnico de informática que armazenava e divulgava pornografia infantil em Campinas, SP

Prisão ocorreu no bairro Solar Campinas e policiais apreenderam tablet, notebook, celular, HD e pen-drives.

A Polícia Federal (PF) prendeu, na manhã desta terça-feira (16) em Campinas (SP), um técnico de informática de 38 anos que guardava diversos arquivos com cenas de abuso sexual contra crianças. Os conteúdos ilícitos estavam armazenados em pen-drives, celular, HD, notebook e tablet.

A prisão ocorreu no bairro Solar Campinas, onde o suspeito mora. A PF foi cumprir mandado de busca e apreensão e encontrou os materiais. Segundo a investigação, além de armazenar os conteúdos, o preso também disponibilizava e transmitia pela internet, em rede internacional.

Ele responderá por armazenar pornográfica envolvendo criança ou adolescente, o que prevê pena de 1 a 4 anos. Com a apreensão dos equipamentos, também será feito perícia para verificar se o técnico de informática também produzia a pornografia infantil. Se for constatado, ele responderá por estupro de vulnerável, que pode gerar prisão de mais de 20 anos.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT