Polícia Militar Ambiental multa de proprietário de sítio em mais de R$ 9 mil por explorar e danificar vegetação nativa em Águas da Prata, SP

Além da retirada de onze exemplares arbóreos nativo da espécie barbatimão, também foram danificados vinte e cinco exemplares arbóreos diversos pertencentes ao bioma mata atlântica através de pregos e arames na cerca.

Na tarde de sexta-feira (12), em decorrência do atendimento de demanda dando conta de crime ambiental no tocante a flora, uma equipe da Polícia Militar Ambiental, composta pelo sargento Da Silva e cabo De Melo, constataram em uma área rural da cidade de Águas da Prata (SP), a retirada de onze exemplares arbóreos nativo da espécie barbatimão.

Ainda de acordo com o registro feito pelo policiamento ambiental, também foram danificados vinte e cinco exemplares arbóreos diversos pertencentes ao bioma mata atlântica através de pregos e arames na cerca. Diante das irregularidades constatadas foram lavrados Autos de Infração Ambiental no valor de R$ 9.300,00, com base no artigo 53 da Resolução SMA 048/14, não havendo tipificação penal para a presente infração administrativa.

ÁGIL DPVAT

clique na imagem e saiba mais