Polícia Militar Ambiental multa fazenda em R$ 1,7 milhão por queimada em Piracicaba, SP

No ato da fiscalização foram vistas palhas, sobras de cultura canavieira com mais de 1,5 metros de altura e capim seco a qual fora atingido pelo fogo.

Em decorrência do atendimento de foco de queimada – INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), pela Fazenda Santo Antônio de Anhumas, zona rural de Piracicaba (SP) os policiais militares ambientais cabo João, cabo De Mattos e cabo Denilson, constataram alguns talhões de cultura canavieira já colhida.

No ato da fiscalização foram vistas palhas, sobras de cultura canavieira com mais de 1,5 metros de altura e capim seco a qual fora atingido pelo fogo. Foi observado também APP (Área de Preservação Permanente) e maciço florestas que também foram atingidos pelo fogo.

Diante dos fatos foram elaboradas três autuação de infração de multas simples, no valor de R$ 1.706.836.50 (hum milhão setecentos e seis mil e oitocentos e trinta e seis reais e cinquenta centavos).

 

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT