Polícia Militar Ambiental realiza policiamento preventivo náutico noturno, no rio Mogi Guaçu em Pirassununga, SP

A ação teve como objetivo coibir a pesca predatória, bem como coibir outros delitos ambientais, à montante da barragem da Usina Aratu e imediações.

Em decorrência de ações voltadas para a preservação dos recursos naturais no tocante à fauna Ictiológica, os policiais militares ambientais cabo Cunha e soldado Colombo, realizaram Policiamento Preventivo Náutico no período noturno, pelo rio Mogi Guaçu, bairro Cachoeira de Emas, em Pirassununga (SP).

Com apoio no monitoramento do cabo Godoy, a ação teve como objetivo coibir a pesca predatória, em desconformidade com a Portaria Interministerial n° 73/17 e Instrução Normativa IBAMA 26/2009, bem como coibir outros delitos ambientais, à montante da barragem da Usina Aratu e imediações, com maior intensidade nas proximidades do dispositivo de transposição de peixes, tendo em vista a grande concentração de cardumes de espécies nativos nesse local de considerável interesse ambiental.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT