Polícia Militar Ambiental resgata 10 aves mantidas em cativeiro na cidade de Piracicaba, SP

Infrator foi multado em R$ 6.000,00 mil reais.

Nesta sexta-feira (9), os policiais militares cabo João e cabo De Mattos, durante fiscalização pela Vila Cristina, município de Piracicaba (SP), acabaram constatando a existência de 10 aves pertencentes a fauna silvestre nativa brasileira, mantidas em cativeiro, não possuindo anilhas ou outro tipo de identificação, todos em gaiolas individuais com água e comida a disposição, abrigadas das intempéries e sem sinais de maus tratos.

Diante dos fatos, foi elaborado um Auto de Infração Ambiental com sanção de multa simples no valor de R$ 5.000,00 (Cinco Mil Reais), por “Ter em Cativeiro” com violação do Parágrafo 3°, inciso III do Artigo 25 da Resolução SIMA 005/21; Ainda em fiscalização pelo local foi verificado que o proprietário das espécies possuía (01) Um Bico de Pimenta (Saltator Fuliginosus) e (01) Um Trinca-ferro (Saltator Similis), ambos anilhados e por possuir o cadastrado no SISPASS e não ter realizado a referida transferência ou possuir algum documento que permitiria os espécimes estarem com sigo foi lavrado outro Auto de Infração Ambiental com sanção de multa simples no Valor de R$ 1.000 00 (Um Mil Reais), Por Deixar de Manter Atualizado o Registro de Acervo com base no Parágrafo 3°, inciso IV do Artigo 25 da Resolução SIMA 005/21 ficando o autuado orientado quanto ao Atendimento Ambiental na Avenida Brasil, 540 Vila Alemã cidade de Rio Claro/SP e quanto a Legislação Ambiental Vigente.

As respectivas aves foram todas apreendidas, ficando apenas as (02) Dois espécimes anilhadas depositadas ao Autuado as demais espécimes após serem avaliadas por um Médico Veterinário foram devolvidas em seu Habitat Natural e as gaiolas foram destruídas e depositadas no aterro sanitário do município de Brotas/SP.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT