Polícia Militar Ambiental resgata pássaros mantidos em cativeiro sem autorização durante fiscalização em Rio Claro, SP

Os pássaros estavam dispostos em gaiolas individuais, com água e comida a disposição, abrigados das intempéries e sem sinais de maus-tratos, nenhum deles tinha anilha ou outro tipo de identificação.

No domingo (24) em decorrência do atendimento de demandas atenientes a fiscalização ambiental pelo município de Rio Claro (SP), os policiais militares ambientais cabo Duprê e soldado Claudino estiveram em uma residência no bairro Jardim Bandeirantes onde constataram três aves silvestres mantidas em cativeiro irregularmente.

Os pássaros estavam dispostos em gaiolas individuais, com água e comida a disposição, abrigados das intempéries e sem sinais de maus-tratos, nenhum deles tinha anilha ou outro tipo de identificação. Foi elaborado um auto de infração ambiental em desfavor do proprietário das aves, valorado em R$ 1.500,00 (mil e quinhentos reais), com base no Artigo 25, par. 3°, inc. III da Resolução SIMA 05/21.

As aves foram apreendidas juntamente com suas gaiolas, sendo as aves soltas em área de mata, por apresentarem estado bravio e por não apresentarem ferimentos, e gaiolas destruídas é descartadas em local apropriado.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP