Policiais da DISE cumprem mandado de busca e apreensão após denúncia de tráfico de drogas em Limeira, SP

A ação foi realizada pelo bairro Jardim Santa Catarina.

Na tarde desta quinta-feira (13) policiais da DISE – Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes, realizaram uma diligência uma residência pelo bairro Jardim Santa Catarina, para cumprimento de mandado de busca e apreensão, expedido pela 2ª Vara Criminal de Limeira (SP), visando apurar denúncia sobre tráfico de entorpecentes.

Chegando no local os policiais Rafael Varuzza, Anderson, Tiago, Ricardo e Jane, se depararam com algumas pessoas na calçada, as quais foram abordadas e submetidas a busca pessoal pela equipe, coordenada pelo delegado Siddhartha Carneiro Leão. Em buscas na residência da frente, visto que o terreno também possuí uma casa nos fundos, dentro do guarda-roupas no quarto da moradora, foram localizadas duas pedras de crack, e mais uma pedra da mesma droga atrás da geladeira, além de um cigarro de maconha, parcialemente comsumido.

clique na imagem e saiba mais

Na residência dos fundos, onde mora a mãe de J.A.N., que costuma usar um dos cômodos para preparar e vender uma bebida alcoólica conhecida por “Tchay”, foi encontrada uma mochila, no interior da qual havia a quantia de R$ 182,00 reais, bem como um caderno de anotações típica de contabilidade de tráfico de drogas.

Ainda nesse cômodo, foi localizada uma porção de maconha e dois pedaços de rolo plástico filme, normalmente utilizados para embalar pequenas porções de maconha, os quais se encontravam em uma caixa de whisky. Foi encontrado também, um pote de sorvete com terra e três pequenos pés da planta cannabis sativa e, ainda, outro rolo plástico PVC, que estava em cima da geladeira.

Continuando as buscas no interior do imóvel, em outro quarto, foi localizado embaixo de uma gaveta, 45 pedras de crack embaladas individualmente em papel alumínio, além de 28 porções de maconha, também embaladas individualmente, mas em plástico PVC. Durante essa buscas realizadas no imóvel dos fundos, também foi encontrado um cigarro de maconha parcialemente consumido na mureta de uma escada.

Aos policiais J.A.N., assumiu a propriedade de todas as drogas que estavam em sua residência, razão pela qual recebeu voz de prisão em flagrante, sendo conduzido imediatamente para o interior de uma das viaturas utilizadas na diligência. Na sequência uma adolescente de iniciais T.O.F., também foi detida, pois trazia no bolso de seu shorts, uma pequena porção de maconha acondicionada em plástico transparente. Em poder de J.A.N., foram encontradas três porções de maconha, além da quantia de R$ 30,00 reais em dinheiro.

De acordo com informações, todos envolvidos nesse caso foram conduzidos até DISE para as providências de polícia judiciária cabivéis.