Policiais militares capturam dois procurados da Justiça em Limeira, SP

Um dos criminosos para não ser preso, tentou se esconder dos policiais embaixo de uma coberta.

Nesta terça-feira (25), os policiais militares cabo Pereira e soldado Magro, realizaram a captura de dois procurados pela Justiça, durante patrulhamento preventivo e ostensivo pela cidade de Limeira (SP).

De acordo com a corporação, o primeiro caso ocorreu durante a manhã no bairro Cecap, onde a equipe realizava patrulhamento, e ao passar próximo de uma área de mata, visualizou um indivíduo deitado em um sofá, que ao avistar a viatura, tentou se esconder embaixo de uma coberta.

Foi realizada abordagem e em busca pessoal nada de ilícito foi encontrado, porém, ao ser questionando, acabou confessado estar evadido do Centro de Progressão Penitenciária de Porto Feliz (SP). Em consulta ao COPOM – Centro de Operações da Polícia Militar, os policiais foram informados de que o homem havia se beneficiado da “saidinha” e não havia retornado. Ele foi conduzido ao 4º Distrito Policial (DP) de Limeira, onde permaneceu preso à disposição da Justiça.

Durante a tarde, a mesma equipe da PM realizava patrulhamento pelo Jardim Odécio Degan, quando avistou três indivíduos sentados em um barranco, local conhecido pela venda de entorpecentes. Foi feita abordagem e em busca pessoal nada de ilícito foi encontrado. Um dos abordados demonstrava nervosismo e questionado sobre sua identidade dizia se chamar Evangelista.

Questionado novamente, ele continuava afirmando que se chamava Evangelista, porém, após algumas perguntas que ele não soube responder, acabou confessando estar usando o nome de seu irmão e posteriormente informou sua identidade correta, dizendo estar evadido de Hortolândia (SP, também por meio do benefício da “saidinha”.

Os policiais consultaram o COPOM e foram informados de que o homem estaria procurado pela Justiça pelo crime de roubo. Ele também foi conduzido ao 4º Distrito Policial, onde após ser ouvido pela autoridade presente, permaneceu preso à disposição da Justiça.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT