Policiais militares salvam menino de três dias de vida que não conseguia respirar após engasgamento

Ação ocorreu na cidade de Lucélia, no interior do Estado; criança só voltou a respirar graças ao preparo e agilidade de uma equipe do 25º BPM/I.

Um menino de apenas três dias de vida foi salvo por policiais militares, neste domingo (20), na cidade de Lucélia, no interior do Estado. Após se engasgar, o pequeno Rafael só voltou a respirar após o atendimento de uma equipe do 25º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I).

Tudo ocorreu por volta das 12h20, quando o cabo André Luiz Dallaqua e o soldado Jean Paulo Souza Alves patrulhavam a avenida Brasil. “O motorista e a passageira de um carro fizeram sinais com as mãos e paramos para entender o que estava acontecendo. Neste momento, a mulher desembarcou com o recém-nascido nos braços, com a boca toda roxa devido a um engasgamento”, relembrou o cabo.

Dallaqua, que já atendeu uma ocorrência semelhante antes, imediatamente pegou o pequeno Rafael nos braços e iniciou a manobra de Heimlich – técnica de desobstrução das vias aéreas ensinada no curso de formação. Enquanto o procedimento era realizado, os PMs embarcaram na viatura, juntamente com a mulher – avó da criança, e seguiram em direção a um hospital.

“No deslocamento, continuei fazendo a manobra até que o Rafael desengasgou, chorou e voltou a respirar”, contou o cabo.

Depois de salvo, o recém-nascido passou por atendimento no pronto-socorro e passa bem. “Salvar uma vida é a melhor sensação possível”, disse com emoção Dallaqua.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT