Primeira fase do Vestibular Unicamp 2022 tem a menor abstenção dos últimos oito anos

A prova manteve a tradição de promover a reflexão sobre temas atuais e valorizar a ciência.

A primeira fase do Vestibular Unicamp 2022 ocorreu neste domingo (7), sem intercorrências. A abstenção nesta etapa foi de 7,7%, a menor dos últimos oito anos. Dos 62.398 inscritos, compareceram 58.425 candidatos. A prova foi aplicada em 36 cidades do país e abordou temas atuais, priorizando a contextualização e a leitura. O gabarito oficial será disponibilizado pela Comissão Permanente para os Vestibulares (Comvest) na quarta-feira, 10 de novembro. 

“Tudo transcorreu muito bem. Podemos dizer que realizar um vestibular como este é uma forma de renovar a esperança na universidade”, destacou o coordenador da Comvest, professor José Alves Neto.

Em relação ao baixo nível de abstenção, o menor desde 2014, o professor aponta que um dos motivos seria a confiança dos estudantes em realizar o vestibular, possivelmente relacionada às adequações na prova efetuadas pela Comvest. Em decorrência do contexto de pandemia, desde a edição passada houve uma redução de 90 para 72 questões. O tempo para a realização do exame também foi ampliado em uma hora neste ano.  

Prova valorizou contextualização e leitura

A prova da primeira fase foi composta de 72 questões de múltipla escolha, distribuídas entre as áreas de Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Física, Química, Biologia e Inglês. Nas questões, valorizou-se a contextualização e a leitura. Para o coordenador da Comvest, essa foi uma forma de atenuar as desigualdades existentes no ensino no Brasil. 

A prova manteve a tradição de promover a reflexão sobre temas atuais e valorizar a ciência. “A nossa prova é a cara da universidade, uma universidade dinâmica, contemporânea, atual, que busca tratar dos grandes temas do nosso país e ajudar a promover ciência, tecnologia, educação, cultura, saúde e todos os bons princípios que o mundo universitário pode oferecer para a sociedade brasileira”, afirma José Alves.

A coordenadora acadêmica da Comvest, professora Márcia Rodrigues de Souza explica que as questões abordaram temas relevantes para o debate social pela ótica de diferentes disciplinas. Memória indígena, refúgio, preço da gasolina, vacinas, fake news e biomas foram alguns dos temas. “São temáticas que são abordadas na escola, mas tentamos ligar essas temáticas a demandas sociais concretas”, aponta.

A prova também buscou explorar relações entre os textos, desafiando os candidatos a encontrar relações de intertextualidade, comparação e contraste, e trabalhou com o deslocamento de temas entre as disciplinas. “Temas que seriam classicamente abordados em uma disciplina foram abordados em outras”, afirma a coordenadora acadêmica da Comvest. Em uma questão da prova de inglês, por exemplo, foi tematizado o conflito Israel-Palestina através de um poema da poeta e ativista palestina Rafeef Ziadah. 

Segunda fase

A segunda fase do Vestibular Unicamp 2022 será realizada nos dias 9 e 10 de janeiro de 2022. As Provas de Habilidades Específicas para os cursos de Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais e Dança, serão feitas de 13 a 15 de janeiro de 2022, em Campinas.

Mais informações e calendário completo no site da Comvest.

Confira a prova da primeira fase aqui.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP