Produção “Eu estou aqui” vai para Mostra Latino-Americana de Curtas

Filme dirigido por aluno da Unesp de Bauru (SP), é um dos cinco selecionados para representar o Brasil no evento virtual.

O curta-metragem “Eu estou aqui”, dirigido por Rodrigo Pereira, formado em Rádio, TV e Internet pela Unesp de Bauru, foi convidado para exibição na Mostra Latino-Americana de Curtas, realizada pelo Centro Brasileiro de Estudos da América Latina (CBEAL) e Memorial da América Latina.

O filme é um dos cinco selecionados para representar o Brasil no evento virtual, que também reúne títulos de outros países latinos, e estará disponível na plataforma Cultura em Casa durante o mês de dezembro.

O curta, que foi o Trabalho de Conclusão de Curso de Rodrigo, conta a história do casal Thiago e Felipe que, após um acidente de carro antes de se casarem, têm sua vida e seu amor postos à prova.

clique na imagem e saiba mais

O diretor, formado pela FAAC, conta que apesar do projeto não ter sido sua ideia inicial, se apaixonou pela área do cinema e viu nele a possibilidade de contar uma história como a dos meninos, que tivesse o poder de entreter e ser representativa para o público LGBTQ+.

Rodrigo também destaca que, para além do entretenimento, o curta visa mostrar a qualidade da produção universitária, como a da Unesp, para o público externo: “o meu maior objetivo com a produção desse trabalho era de que ele fosse visto”.

“Infelizmente, a universidade pública e todo o conhecimento que ela carrega ainda é muito fechado às pessoas que fazem parte do círculo acadêmico. A produção cultural no âmbito jovem e universitário ajuda a difundir esse conhecimento”, afirma. Para ele, essas produções contribuem para a sociedade como um todo, pois, ao estimularem debates e discussões, ampliam o acesso a temas que são discutidos dentro do campus, “para fora da bolha”.

E, tratando do ambiente acadêmico, o ex-unespiano destaca a importância da universidade: “teve um papel fundamental, compartilhando o projeto, divulgando para a comunidade e indicando para mostras e festivais, como a Mostra Latino-Americana”. Além de divulgar os resultados, Rodrigo lembra que a Faculdade também estimula a produção cultural dentro do campus, por meio de projetos interdisciplinares e de extensão, os quais possibilitam os alunos colocarem em prática o aprendizado da sala de aula.

“Esses trabalhos, realizados durante a graduação, trazem temáticas sociais importantes, externam questionamentos e reflexões acerca do contexto universitário e construíram toda a bagagem necessária para que, no final dos meus quatro anos de curso, fosse possível chegar em um produto como o curta metragem “Eu Estou Aqui”.

“A produção cultural dentro do campus da Unesp de Bauru é gigantesca e muito valiosa, não apenas no curso de Rádio, TV e Internet, mas na faculdade em geral”, ele acrescenta, ressaltando a importância da participação universitária na cultura e na disseminação do conhecimento.

Quanto ao convite para a exibição na Mostra Latina Americana, Rodrigo revela que ficou muito feliz e grato pela oportunidade do curta poder representar o país no festival. Além da participação no evento, o filme já passou por outros festivais, como o de Taguatinga e o Best Latin America Short Filme Festival, também internacional.

Ao falar sobre o futuro do projeto, o diretor conta que, após a conclusão da temporada de festivais, “Eu Estou Aqui” será disponibilizado oficialmente. O lançamento, que ocorrerá no formato on-demand na internet, de forma totalmente gratuita, está prevista para o início do ano que vem. “Espero que muitas e muitas pessoas ainda assistam e se identifiquem com o nosso filme”, completa.