Comerciantes brasileiros venderam mais, em setembro. A alta chegou a 6,8 por cento, na comparação com 2017

A chamada pesquisa de atividade do comércio foi feita pela Serasa.

Por outro lado, em relação a agosto houve uma pequena queda, de 0,1 por cento.

O que pode ser explicado pela alta do dólar e as dúvidas sobre o futuro político e econômico do Brasil. Que fizeram muita gente pisar no freio, na hora de gastar.

Ainda na comparação com o ano passado, destaque para a alta de quase 10 por cento das vendas nas lojas de móveis e eletrodomésticos.

Nas concessionárias de veículos e nos postos de combustíveis, no geral, o movimento também cresceu.

Enquanto os supermercados e as lojas de roupas e de materiais de construção venderam menos.


Aviso: Os comentários só podem ser feitos via Facebook e são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, sendo passível de retirada, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Tem uma sugestão de reportagem? Nos envie através do WhatsApp (19) 99861-7717.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here