Quinze feridos continuam internados após acidente com ônibus na Rodovia Fernão Dias, em MG

Quinze pessoas continuam internadas após o acidente envolvendo um ônibus e um caminhão na Rodovia Fernão Dias na madrugada desta sexta-feira (23). Ao todo, uma pessoa morreu e 23 ficaram feridas. A batida aconteceu no trecho de São Sebastião da Bela Vista (MG) por volta de 3h.

As vítimas foram levadas para o Hospital Samuel Libânio, em Pouso Alegre (MG). Segundo o clínico oncológico Rafael Santos, foi preciso reforçar a equipe para atender todo mundo.

“O trauma foi um trauma de baixa energia, apesar de ser um acidente de caminhão versus ônibus, porque a maioria dos pacientes teve fraturas ósseas distais. Alguns com fraturas de tornozelo, fraturas de antebraço, mas nenhuma fratura de maior importância. O único paciente mais grave que a gente tem é um que teve um traumatismo de tórax, uma fratura de costela, mas que está estável, está tudo controlado em relação a ele”, contou.

clique na imagem e saiba mais

Entre os feridos, havia um bebê de dois meses, mas foi a mãe quem despertou mais cuidados. “A criança veio com a mãe. A mãe recusou até o atendimento, ficou preocupada com a filha. Acho que todos nós faríamos isso. E a criança veio bem. Ela vai ficar em observação, não tem absolutamente nada que me chame a atenção. Agora a mãe que a gente está observando”, explicou Santos.

O gerente de vendas Reginildo Magalhães conta que veio de São Paulo para buscar informações sobre a mãe. Ela foi uma das vítimas no acidente.

“Ela me ligou por volta de três e pouco da manhã, no momento do acidente. E a gente ficou bem preocupado no começo, mas já estive aqui, estava em São Paulo e vim para cá, já conversei com ela. Está bem, está medicada, está com algumas dores abdominais e passou por alguns exames, ressonância. A gente está esperando o resultado desses exames para ficar mais tranquilo”, diz.

Segundo o hospital, três pacientes foram internados em estado grave e um deles foi encaminhado para cirurgia, mas também não há risco de morte. Outras oito vítimas já foram liberadas.

O acidente

Segundo a polícia, o caminhão seguia sentido Belo Horizonte (MG) quando bateu na defesa metálica da pista, atravessou o canteiro central e invadiu a pista contrária, atingindo a lateral do ônibus da empresa Cometa. A força da batida foi tão forte que a cabine do caminhão foi jogada por alguns metros à frente do acidente. Após ser atingido, o motorista do ônibus perdeu o controle e bateu de frente com um barranco.

O motorista do caminhão, de 38 anos, morreu no local. Os passageiros do ônibus seguiam para Campinas (SP). Com a lateral do veículo destruída, eles tiveram que ser resgatados pelas janelas.

“Foi feita uma equipe de resposta, para que a gente pudesse prestar o atendimento a todos, enquanto o Corpo de Bombeiros tentava desencarcerar, ou seja, retirar o motorista das ferragens do ônibus. Então a gente conseguiu lograr êxito nessa operação. A maioria das pessoas saiu pelas janelas do ônibus, e o motorista conseguiu ser socorrido com segurança”, disse o capitão do Corpo de Bombeiros, Ivan Neto.

As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros, Samu e pela Autopista Fernão Dias, e todos foram levados para o Hospital Samuel Libânio em Pouso Alegre (MG). O corpo de Cristiano dos Anjos, que era o motorista do caminhão, será sepultado na manhã deste sábado (24) no Cemitério de Igarapé, na região metropolitana de Belo Horizonte.