Saema alerta população para economizar água para evitar desabastecimento em Araras, SP

Altas temperaturas tem contribuído para o aumento do consumo de água na cidade; Saema pede para evitar lavar quintais, calçadas e carros.

O Saema –  Serviço de Água e Esgoto do Município de Araras (SP), divulgou uma nota na tarde desta sexta-feira (2), informando que a elevação dos termômetros nos últimos dias tem contribuído para o aumento no consumo de água na cidade, ocasionando a falta de água em algumas regiões da cidade.

Ainda de acordo com a publicação, para evitar o desabastecimento neste período de altas temperaturas, o Saema pede para a população de Araras fazer o uso consciente da água. Segundo a autarquia, um carro de som está rodando os principais pontos do município, com uma campanha de conscientização, solicitando a todos os munícipes que economizem água, evitando lavar calçadas, quintais e carros, por exemplo.

clique na imagem e saiba mais

Ações que também ajudam a diminuir o consumo de água são: reduzir o tempo do banho, reaproveitar a água da máquina de lavar roupa, manter a torneira fechada enquanto escova os dentes e faz a barba, desligar o chuveiro enquanto se ensaboa e principalmente corrigir vazamentos em casa.

Apesar deste drama vivido pela população neste momento de alta temperatura, o problema da falta de água em alguns bairros está prestes a ser resolvido de vez pela Prefeitura. Isso porque o prefeito Junior Franco deu início neste ano à implantação do Sabaz Leste, que é um projeto para reforçar o abastecimento de água tratada para todos os bairros da região leste e, consequentemente, liberar água para os reservatórios de outras regiões da cidade.

As obras já estão na fase final e a primeira etapa deve ser concluída nas próximas semanas. O Sabaz Leste consiste na instalação de tubos de 630 mm de diâmetro, por cerca de 8 km, direto da Estação de Tratamento de Água, no Jardim Cândida, até a Estação Elevatória do José Ometto, em frente ao Estádio Hermínio Ometto. Os tubos já foram instalados na maioria do percurso, faltando apenas um pequeno trecho próximo ao Hospital Pró Saúde.

Enquanto o sistema não é concluído, a autarquia está realizando ações alternativas, para amenizar o problema mais rapidamente, interligando o que já está implantado em outra rede até a implantação total da nova tubulação.

De acordo com o Saema, somente nos últimos 3 dias de setembro foram consumidos 11 milhões de litros de água a mais, se comparado ao últimos três dias do mês de agosto. O consumo além do normal já provoca prejuízos, como a falta de água em algumas regiões da cidade.

Atualmente, as barragens que abastecem Araras estão com bons níveis de água, mas é época de estiagem e, além da pouca chuva, as altas temperaturas estimulam o consumo, diminuindo mais rapidamente o nível dos reservatórios.

Interligação da tubulação do Sabaz Leste na rede do Saema, na Avenida Dona Renata (Marginal)