São Paulo registra queda em acidentes de trânsito com morte em janeiro

clique na imagem e saiba mais

Estatísticas do programa Respeito à Vida indicam redução de 5,6% na comparação com igual período de 2019.

Em todo o Estado de São Paulo, foram registradas 406 fatalidades de trânsito em janeiro de 2020, índice 5,6% menor na comparação com o mesmo período de 2019, quando foram registrados 430 mortes. Houve queda nas ocorrências fatais tanto em vias municipais (-8,2%) quanto em rodovias (-2,9%), segundo estatísticas do programa Respeito à Vida, divulgadas nessa quarta-feira (19).

As principais reduções ocorreram entre ocupantes de automóvel (-21,4%) e motociclistas (-5%). Pedestres tiveram índice praticamente estável e houve aumento entre ciclistas, passando de 24 ocorrências para 36 em janeiro deste ano (+24,1%).

Em 6 das 16 regiões administrativas foram registradas reduções nos índices em São José dos Campos (-64,9%), Araçatuba (-40%), Bauru (-35,3%), Marília (-25%), Metropolitana de São Paulo (-19,6%) e São José do Rio Preto (-4,3%).

As fatalidades aumentaram nas regiões de Registro (225%), Ribeirão Preto (114,3%), Barretos (83,3%), Itapeva (66,7%), Franca (42,9%), Sorocaba (34,4%), Central (33,3%), Presidente Prudente (16,7%), Baixada Santista (4,8%) e Campinas (1,4%).

A colisão entre veículos foi o principal tipo de acidente (36,5% dos casos). Em 55,7% das ocorrências, a vítima foi o próprio condutor. Homens correspondem a 79,1% das vítimas fatais, e houve concentração de acidentes no período noturno (49,5%) e nos finais de semana (38,9%).