Schwarzenegger se encontra com Doria e Covas em São Paulo

Anúncio
Clique na imagem. Link direto para Whatsapp

Eles se reuniram neste domingo para discutir parcerias entre fundação do ator e governo para ações de sustentabilidade e economia verde no estado. Ator entrou no Brasil sem visto.

O ator Arnold Schwarzenegger se encontrou com o governador João Doria e com o prefeito Bruno Covas para uma reunião na tarde deste domingo (14) no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo. Eles se reuniram para discutir parcerias para ações de sustentabilidade e economia verde no Estado.

De acordo com assessoria do governo, o objetivo da visita foi reforçar o apoio da Fundação R20, fundada em 2010 por Schwarzenegger, ao programa Município Verde e Azul, que busca equilibrar o desenvolvimento sócio-econômico e ambiental no estado. Segundo comunicado, a intenção é dobrar o número de 5 mil ações que foram feitas em conjunto com a organização do ator.

Em 2017, o astro de “O exterminador do futuro” e ex-governador da Califórnia, nos Estados Unidos, aproveitou para conhecer expositores e participantes da feira e se reuniu com Doria, então prefeito de São Paulo.

No início deste mês, Doria também se encontrou com o ator Keanu Reeves para discutir a gravação de uma série produzida por ele na capital.

Schwarzenegger sem visto em SP

O ator Arnold Schwarzenegger chegou a São Paulo nesta sexta-feira (12) para a edição de 2019 do evento Arnold Sports Festival South America, que acaba neste domingo no Transamerica Expo Center.

Schwarzenegger enfrentou problemas para imigrar no Brasil pelo Aeroporto Internacional de Guarulhos. Segundo a assessoria de imprensa da Policia Federal, o ator desembarcou com um passaporte novo, sem o visto brasileiro.

“A PF avisou o consulado e o Ministério das Relações Exteriores e o desembarque aconteceu logo em seguida. Foi concedido prazo de permanência de oito dias, como de praxe em casos como esse.”

A Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD),do Ministério da Cidadania, encaminhou uma carta para a Prefeitura de São Paulo pedindo para que não apoie ou incentive a a realização de 4 eventos de fisiculturismo que acontecem na cidade em 2019, incluindo o Arnold South America, por suspeita do uso de substâncias proibidas pelos atletas participantes.

Por se tratar de um campeonato realizado sem chancela ou apoio da Confederação Brasileira ou da Federação Internacional da modalidade, não existe fiscalização antidopagem e a ABCD não possui autoridade para investigar o evento.