Suspeito de matar filha de policial penal comete suicídio dentro do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Guarulhos, SP

PUBLICIDADE

As circunstâncias da ocorrência dentro da unidade prisional ainda não foram esclarecidas. 

O principal suspeito de matar Karumã Coimbra, de 30 anos, filha da policial penal Maria Cecília Coimbra, cometeu suicídio dentro do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Guarulhos (SP), nesta sexta-feira (27).

PUBLICIDADE

Victor Kauan Coroado, de 27 anos, havia sido detido pela Polícia Civil no início da semana, dois dias após o crime, ocorrido em Araraquara, cidade do interior paulista, no último domingo (22).

A vítima teve seu corpo queimado. As circunstâncias da ocorrência dentro da unidade prisional ainda não foram esclarecidas. 

PUBLICIDADE
CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP