Testemunha é presa por mentir em audiência no Fórum de Conchal, SP

O mulher foi intimada a depor em um processo quando começou a mentir e o magistrado deu voz de prisão.

Um mulher foi presa por falso testemunho durante uma audiência no fórum de Conchal (SP) na tarde desta quinta-feira (07). Ela foi intimada a depor em um processo, em que os policiais militares cabo Evandro e soldado Helson eram testemunhas de acusação, quando começou a mentir, mudando sua versão no depoimento, tentando incriminar esses milicianos, dizendo que foi coagida em seu primeiro depoimento e o juiz de direito deu voz de prisão.

Após determinação do magistrado, a Polícia Militar conduziu a mulher até a Delegacia de Polícia, onde foi ratificada voz de prisão em flagrante pelo cometimento do crime previsto no artigo 342 do CPB, que é fazer afirmação falsa, ou negar ou calar a verdade como testemunha, perito, tradutor, contador ou intérprete em processo judicial, ou administrativo, inquérito policial ou em juízo arbitral:” Pena – Reclusão, de 2 a 4 anos, e multa (Pena com a redação dada pela Lei nº 12.850/13), permanecendo à disposição da Justiça.

Participaram dessa ocorrência:

TÁTICO I36282

SGT PM REIS
CB PM JORGE
CB PM VITTI
CB Evandro (Férias)
SD PM HELSON