Toque de sirenes marca despedida do Dr. João Roque em Araras, SP

Um grande guerreiro que estava na linha de frente, para salvar vidas.

O médico cardiologista Joao Roque Freitas Cordeiro, morreu na noite deste sábado (26), em Araras (SP), por conta do novo coronavírus (Covid-19). O profissional atuava no município ararense, e também em outras cidade da região, e recebeu na manhã deste domingo (27), uma linda homenagem (assista abaixo) dos profissionais da Medicina, Prefeitura Municipal, SAMU –  Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, Corpo de Bombeiros e Guarda Civil Municipal, em Araras.

clique na imagem e saiba mais

Segundo informações da funerária, ele estava internado há cerca de 10 dias
no Hospital Unimed. Ele será cremado no Cemitério Jardim das Palmeiras, em Rio Claro (SP), cidade onde residia. A funerária informou que ele sofria de hipertensão e tinha 69 anos.

A Fundação Municipal de Saúde de Rio Claro (SP) divulgou neste domingo uma nota de pesar pelo falecimento do cardiologista. O profissional chegou a trabalhar no hospital de campanha montado pelo município nesta pandemia, mas ele já não atendia mais no hospital quando foi infectado pelo coronavírus.

Natural de Campos dos Goytacazes (RJ), atuou por vários anos em postos de saúde e no pronto socorro de Araras, onde sempre se mostrou uma pessoa de um coração enorme, um grande guerreiro que estava na linha de frente, para salvar vidas. Ele era muito querido no meio da medicina por sua atuação profissional e humana.