Trajetória de vida de Maha Mamo é tema de live do Museu da Imigração

Agenda da primeira quinzena de setembro também terá mediações de leitura e novidades no blog e no Projeto RAIZ.

O cronograma de atividades do Museu da Imigração – instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo – contará, na primeira quinzena de setembro, com nova série no Blog do CPPR, mediações de leitura, live e produção especial no Projeto RAIZ. As ações do período acontecerão presencialmente e em ambiente digital.

Desde o dia 08 (quarta-feira), o Blog do CPPR conta com uma nova série temática, no lugar de “Mulheres e Migração”, iniciada em janeiro. A proposta “O que é o Brasileiro?” iniciará a exploração dessa questão, que será um dos temas norteadores dos trabalhos de pesquisa no MI em 2022, ocasião do bicentenário da Proclamação da Independência.

A data levanta diferentes reflexões acerca da formação do Estado brasileiro e da conformação de uma ideia de nação. Assim, é um momento oportuno para debater as reverberações dos processos históricos pelos quais passamos e como nos relacionamos com eles ainda hoje. Os artigos, desenvolvidos pelos pesquisadores, serão publicados quinzenalmente.

Já nos dias 11, 18, 19, 25 e 26, os pequenos e adultos terão a oportunidade de acompanhar leituras de livros, às 11h e 15h. No jardim, a mediadora do espaço “Semear Leitores”, Gabrielli Chagas, apresentará: Vovô é um super-herói, de Fernando Aguzzoli; Eloisa e os bichos, de Jairo Buitrago; A árvore generosa, de Shel Silverstein; Elmer, o elefante xadrez, de David McKee; Sinto o que sinto, de Lázaro Ramos; O mundo no Black Power de Tayó, de Kiusam de Oliveira; Um dia, um rio, de Leo Cunha, e Chapeuzinho e o leão faminto, de Alex T. Smith.

A história de Maha Mamo, nascida em Beirute e apátrida por 30 anos – até conseguir a cidadania brasileira –, será o foco de uma live no dia 14 (terça-feira), às 17h, no Instagram. A conversa com o pesquisador da instituição, Thiago Haruo, será pautada na luta por direitos, sonhos e desafios, vivenciada por ela até os dias atuais.

A transmissão ao vivo marcará o lançamento de uma produção especial da personagem, disponível no Projeto RAIZ a partir do dia 15 (quarta-feira), seguindo o horário de funcionamento do Museu. Inaugurada em maio, a iniciativa já conta com materiais do historiador e escritor, Leandro Karnal, e do cantor e compositor Emicida.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT