Vídeo mostra carne servida com larvas em churrascaria de SP

Em rede social, restaurante na Zona Oeste de SP disse que está tomando providência, trocando de fornecedores e pedindo análise do lote de carne enviada para a empresa.

Um vídeo que circula em redes sociais na noite desta sexta-feira (28) mostra larvas em um pedaço de carne que foi servido para um cliente em uma churrascaria na Barra Funda, Zona Oeste de São Paulo (SP). O cliente filma um pedaço de costela em um prato. A voz de quem filma diz: “Que decepção, que mancada. Churrascaria Bela Rio. Olha a carne da costela, cheia de larva. Perdi até a vontade de comer, vou chamar o gerente”.

Em nota divulgada em duas redes sociais, a empresa afirma que está tomando as providências cabíveis. “A Churrascaria Bela Rio vem através desta prestar esclarecimentos para com seus clientes. A [sic] mais de 45 anos atendendo seus clientes da melhor maneira e prezando sempre pela qualidade de seus produtos, atentamos em dizer que tomaremos as providências cabíveis para com nossos fornecedores. Pois é imperdoável a procedência e qualidade de nossa carne ser questionável”.

Ainda de acordo com as postagens os representantes da diretoria da churrascaria afirmam que vão mudar de fornecedor de carne. “Estamos trocando nossos fornecedores e pedindo uma análise de todo o lote de carne que nos foi enviado. Prezamos pela qualidade e bem estar de nossos clientes, temos como inadmissível situações de constrangimento que causem repudio de nossos clientes e de qualquer forma ponham em risco sua saúde e integridade. Sendo assim tomaremos as medidas cabíveis para com nossos fornecedores, colaboradores, pois não admitimos tais situações”.

A Churrascaria Bela Rio informou que advogados e representantes da empresa estão reunidos para tomar providências, porém, até a publicação desta reportagem, a empresa não informou a data do ocorrido. Em nota, a Secretaria Municipal da Saúde informou que a “Unidade de Vigilância em Saúde da região vai vistoriar o local para verificar a documentação e as condições sanitárias do estabelecimento citado”.