Vigilância Sanitária interdita fábrica clandestina de batata palha em Limeira, SP

PUBLICIDADE

Segundo a prefeitura, a fábrica havia sido notificada anteriormente para se adequar a legislação.

Uma fábrica clandestina de batata palha foi interditada pela Vigilância Sanitária na manhã desta terça-feira (12) no bairro Porto Real II, em Limeira (SP). Nas imagens é possível ver o local bastante sujo e com fiação exposta.

Segundo a Guarda Civil Municipal, ao consultar as devidas licenças fornecidas pela prefeitura, os agentes da Vigilância notaram que o local operava de forma clandestina, sem procedimentos necessários para a comercialização e funcionamento, mesmo tendo sido notificada anteriormente.

PUBLICIDADE

Informações dos fiscais da Vigilância mostram que um total de 360 quilos de alimentos impróprios para o consumo humano foram recolhidos no local. Eles serão descartados pelas equipes em um aterro sanitário. Conforme informações da Vigilância, o proprietário da fábrica será acionado e será multado. No local, ninguém foi detido. A multa para esse tipo de caso pode variar de 10 a 10 mil Unidades Fiscais do Estado de São Paulo (Ufesp), que atualmente é de R$ 31,97.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP