Vigilância Sanitária multa 22 pessoas com Covid-19 que descumpriram isolamento em Araras, SP

Pacientes em fase de transmissão que descumprem o isolamento são multados em mais de 5 mil reais; Visitas domiciliares fazem parte de ações de fiscalização para coibir a circulação de pessoas em fase de transmissão da doença.

A Vigilância Sanitária está realizando visitas domiciliares nas residências dos pacientes que estão na fase ativa de transmissão da Covid-19 em Araras (SP). Entre os dias 1º e 2 de abril, 124 visitas foram realizadas. Durante as ações, 102 pacientes foram encontradas cumprindo o isolamento e 22 não estavam em suas residências e foram multados em mais de 5 mil reais, de acordo com Código Sanitário.

“As visitas estão sendo feitas juntamente com as ações de fiscalização de aglomerações, que estão sendo realizadas pela Vigilância Sanitária e pelos Fiscais Urbanos, em conjunto com a Guarda Civil Municipal. Nossas equipes têm as listas com os casos ativos da doença e fazem as visitas nas residências durante esses plantões”, explicou a diretora da divisão de Vigilância em Saúde, Margareth Pagotti.

Após a aplicação da multa, a pessoa ainda poderá recorrer, se explicar o motivo de estar fora de casa com justifica plausível. “Por exemplo, se a pessoa alegar que foi na farmácia, vai ter que mostrar a notinha com horário para vermos se a informação bate. O objetivo é inibir que essas pessoas saiam de casa, realmente”, justificou Pagotti.

De acordo com Margareth, outra questão enfrentada pelas equipes, é que, em algumas situações, recebem a informação que a pessoa não mora naquele endereço. “Todo mundo que testa, passa o endereço. A pessoa é responsável por passar essa informação corretamente. Algumas vezes, chegamos e ouvimos que a pessoa não mora naquele endereço, sendo que a informação é de um exame que foi realizando há uma semana, dez dias. Por isso, a pessoa precisa passar a informação correta, o lugar exato onde estará isolada”, explicou.

As ações de fiscalização de aglomerações e cumprimento das medidas sanitárias, com visitas em comércios e residências, além barreiras sanitárias em pontos estratégicos da cidade seguem acontecendo nos próximos dias. Colabore com o trabalho de fiscalização denunciando possíveis descumprimento dos protocolos pelos seguintes canais: WhatsApp (19) 99703-4966 ou 3541-1532.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT