Vítima oferece recompensa de R$ 1 mil para quem ajudar na identificação de casal que furtou chácara no Jardim Maria Rosa em Araras, SP

O crime ocorreu por volta das 2h25, quando o casal tentou invadir uma propriedade na rua dos Jambeiros, sem sucesso, e depois se descobriu uma outra chácara situada entre as ruas das Mangueiras e Laranjeiras, onde consumiu o furto.

Na madrugada da última quarta-feira (8), um casal foi responsável por mais um caso de furto em uma chácara localizada no Jardim Maria Rosa, região sul da cidade de Araras (SP). Ninguém foi preso.

O crime ocorreu por volta das 2h25, quando o casal tentou invadir uma propriedade na rua dos Jambeiros, sem sucesso, e depois se descobriu uma outra chácara situada entre as ruas das Mangueiras e Laranjeiras, onde consumiu o furto.

Segundo informações recebidas, na primeira tentativa de furto, o casal não conseguiu levar nenhum objeto de valor da chácara na rua dos Jambeiros, o que os levou a procurar outro alvo nas proximidades.

Na segunda propriedade, o casal teve sucesso em sua empreitada criminosa, levando consigo o motor do portão, uma obra e outros objetos de valor.

Casal comete furto em chácara no Jardim Maria Rosa em Araras, SP — Foto: Reprodução

Crimes tem aumentado

Os moradores da do local relatam que a frequência desses crimes tem aumentado, chegando a ocorrer quase que diariamente.

A preocupação da comunidade local em relação à segurança de suas propriedades é evidente, e as autoridades competentes devem tomar medidas para conter essa onda de furtos.

O Repórter Beto Ribeiro continuará acompanhando a situação e fornecendo atualizações sobre o caso à medida que mais informações estiverem disponíveis.

Enquanto isso, os moradores e proprietários de chácaras da região devem estar atentos à segurança de suas propriedades e tomar precauções adicionais para evitar tornar-se vítimas desses crimes.

Casal comete furto em chácara no Jardim Maria Rosa em Araras, SP — Foto: Reprodução

Vítima oferece recompensa

Através do grupo ARARAS SEM CENSURA, Roberto Vercelino, fez uma publicação oferecendo recompensa para quem ajudar na identificação do casal. Ele disse que não mora no local, nem há imóvel construído lá, a única coisa que tem é uma cozinha com área de lazer.

Infelizmente esse casal da reportagem pulou o muro, arrombou o portão, entrou com uma caminhonete e roubou tudo o que puderam carregar. Fizeram isso com uma ganância que dá nojo, roubando até os potes de comida da cachorra, 4 latas de cerveja que haviam na geladeira, sal, papel-higiênico e até canudos.
Além do prejuízo financeiro, me dói bastante o roubo de almofadas com formato de cabeça de gato (como na foto) e um javali Pumbaa de pelúcia, tudo presente da minha infância e que ninguém mais na região teria. Coisas de valor inestimável e irrecuperáveis, que não existem mais. É isso o que o dito-cujo do ladrão aparece na foto carregando numa trouxa em cima da cabeça.
Gostaria de oferecer uma recompensa a qualquer pessoa que consiga me identificar esses ladrões. $1.000,00, para nomes, links de redes sociais, endereço, fotos de boa qualidade, placa do carro, ou qualquer informação QUE LEVE A POLÍCIA NA PISTA CERTEIRA dos criminosos. Somente para informações que úteis.
Também ofereço 50% do valor de cada item que foi roubado e puder ser devolvido ao devido lugar, pelos valores catalogados na Amazon.
O casal de criminosos provavelmente estará vendendo de forma muito barata vários itens de cozinha. Ou estará se vangloriando de ter equipado completamente a própria cozinha da casa deles ou a de parentes. Itens como microondas, faqueiro, talheres, canecas, taças, ventilador, aspirador de pó portátil e aspirador de pó robô, liquidificador, mixter, bule, chaleira, garrafa térmica, cooktop de indução, um conjunto completo de panelas de aço, porta MP3, fone de ouvido, etc.
Qualquer utensílio de cozinha, seja de metal, plástico ou de silicone, como espátula, espeto, moedor de alho, canudo e afiador de faca, foi esvaziado dentro da caminhonete dos ladrões.
O meu contato para informações é (19) 9 9965-0211. Garanto o sigilo das pessoas que me procurarem.

Artigos Relacionados

Acusado de estupro de uma criança de 4 anos preso pela PM é liberado após ser ouvido no plantão policial de Araras, SP

No local, a equipe policial fez contato com o pai da vítima, que informou que...

Confira as informações do Plantão Policial desta quinta-feira (18), com o repórter Beto Ribeiro

  O Café Júnior – Um primor de café desde 1945, traz as principais notícias policiais...

Mulher é denunciada por permitir espancamento brutal de filho de 2 anos

Segundo promotor, Ana Beatriz Morais de Oliveira, de 22 anos, poderia e deveria ter evitado...

Últimas Notícias