Vizinhos espancam mulher por acharem que ela denunciou som alto no interior de SP

As agressões só pararam após uma mulher, que mora com a vítima pedir para os agressores pararem, pois ela já havia desmaiado.

Uma mulher de 52 anos foi brutalmente espancada por nove vizinhos na cidade Palmital, no interior de São Paulo, após eles acreditarem que ela teria denunciado o som alto à Polícia.

De com a vítima, em entrevista à TV Tem, afiliada da TV Globo, ela relatou que o caso ocorreu na última sexta-feira (15). Ela estaria deitada, quando uma vizinha a teria chamado no portão, por volta das 23h. Ao abrir, ela foi recebida com socos e chutes em várias partes do corpo e na cabeça. Um dos vizinhos ainda teria tentado lhe asfixiar.

Leia também:

Vítima desmaiou

As agressões só pararam após uma mulher, que mora com a vítima pedir para os agressores pararem, pois ela já havia desmaiado. Em seguida eles fugiram. A vítima foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhada ao Pronto-Socorro. Ela nega que tenha denunciado as pessoas pelo som alto.

Agora ela deve passar por exames de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal) e a Polícia Civil investiga o caso. Os agressores já teriam sido identificados e serão ouvidos. Até o fechamento desta matéria, ninguém havia sido preso.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP