Corpos de Lorena e Givanilson serão sepultados na Bahia

Corpos foram encontrados em apartamento no domingo (6).

Os corpos de Lorena Santana Dias Cruz, de 29 anos e Givanilson dos Santos Cruz, de 37 anos, serão sepultados nesta quarta-feira, dia 9 de agosto, em horário à definir, no Cemitério Municipal de Plataforma, Salvador (BA). A informação é do site da CONSONI ASSISTÊNCIA FAMILIAR.

No último domingo, dia 6 de agosto, Givanilson matou sua companheira, Lorena, a facadas, na região do Jardim Celina. Ele cometeu suicídio.

O crime

Na tarde de domingo, a Polícia Civil recebeu uma ligação de um familiar da mulher dizendo que o homem entrou em contato para comunicar o crime. O delegado Luis Henrique Lima Pereira e um investigador foram até o condomínio Parque Alvorada.

Ao aproximar do apartamento, os policiais sentiram o odor característico de cadáver. Eles arrombaram a porta, na presença do zelador, e encontraram os corpos.

Segundo informações do boletim de ocorrência, havia muito sangue espalhado pelos cômodos. Lorena estava caída na sala com sinais de perfuração de faca. Já o companheiro estava caído na área da cozinha e não apresentava sinais de lesões externas.

Briga e facadas

A polícia apreendeu duas facas, dois aparelhos celulares, além de um caderno com descrições típicas de ato suicida.

De acordo com o B.O., ao que se apurou preliminarmente o suspeito teria desferido golpes de faca na vítima e ingerido medicamentos em seguida para se matar. Os policiais encontraram cartelas e caixas de medicamentos próximos ao corpo dele.

Vizinhos contaram aos policiais que ouviram barulho de briga entre o casal na noite anterior. Familiares de Lorena disseram que no sábado (5) Gidenilson foi até o litoral onde deixou a filha menor do casal. Mais tarde, ele teria ligado para os familiares e admitido ter assassinado Lorena.

Os corpos das vítimas foram encaminhados na manhã desta segunda-feira (7) para o Instituto Médico Legal (IML) de Limeira. Ainda não há informações sobre o horário de velório e sepultamento das vítimas.

Em áudio, homem confessa morte da companheira

Givanilson confessou o crime em uma chamada de áudio. “Foi no calor do momento, porém ela já se foi”, disse na gravação. 

Na ligação, um homem não identificado conversa com ele e pede para ele ‘não fazer isso’. Veja abaixo dois trechos:

  • Homem: não faz isso não, rapaz!
  • Givanilson: Foi no calor do momento, porém ela já se foi.

Em outro trecho, uma mulher não identificada pergunta sobre a vítima.

  • Mulher: E Lorena, cadê?
  • Givanilson: Tá morta.

Receba direto no celular as notícias mais recentes publicadas pelo site Repórter Beto Ribeiro. É de graça. Clique aqui e participe do grupo oficial Repórter Beto Ribeiro e fique por dentro de todas as atualizações.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

INFORMAÇÕES DE ARARAS
INFORMAÇÕES DE POLÍCIA
INFORMAÇÕES DE POLÍTICA

Artigos Relacionados

Jovem de 27 anos morre após batida frontal entre moto e caminhão em Araras, SP

A ocorrência foi atendida pela Polícia Militar e registrada na Central de Polícia Judiciária.Uma grave...

Guarda Civil Municipal e Polícia Civil fazem apreensão de drogas durante abordagem em Araras, SP

A equipe tinha conhecimento da prática do crime e realizou uma busca próximo ao abordado...

Dupla é preso pela Polícia Civil por tráfico de drogas com apoio da GCM em Araras, SP

Foram apreendidos 37 pinos de cocaína.Na manhã de sexta-feira (1º), dois homens foram presos por...

Últimas Notícias