Cuidador agride idoso com Alzheimer e é detido após câmera de segurança flagrar agressões em Limeira, SP

Agressões físicas e psicológicas foram flagradas pelas câmeras de segurança da residência da vítima. Cuidador vai responder por lesão corporal em liberdade.

Uma câmera de segurança flagrou cenas chocantes de agressões físicas e psicológicas cometidas por um cuidador contra um idoso de 69 anos que sofre de Alzheimer, em Limeira (SP), na madrugada desta sexta-feira (28). As imagens revelam momentos em que o cuidador demonstrou estar com o idoso, que tentava se levantar da cama. O cuidador aparece gritando próximo ao ouvido da vítima, batendo com um travesseiro, além de desferir socos, puxões e até mesmo uma joelhada.

Após o ocorrido, uma filha do idoso notou lesões próximas aos olhos de seu pai e questionou o cuidador a respeito das lesões. O cuidador alegou que o idoso havia caído no banheiro, mas diante da suspeita e das evidências das imagens, a família acionou a Guarda Civil Municipal (GCM) para investigar o caso.

O agressor foi detido pela GCM e tratado ao 1º Distrito Policial da cidade. O idoso, por sua vez, recebeu atendimento em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Limeira e, após ser avaliado, foi liberado.

O cuidador foi liberado após o registro do caso e responderá em liberdade por lesão corporal. No entanto, é importante ressaltar que essa conduta é extremamente grave e requer uma investigação completa e rigorosa para garantir que a justiça seja feita e que o idoso esteja protegido contra futuras agressões. 

A agressão contra idosos, especialmente aqueles que sofrem de doenças como o Alzheimer, é uma questão alarmante e inaceitável. É fundamental que as autoridades e a sociedade em geral estejam atentas a esses casos, denunciando qualquer sinal de abuso ou violência contra idosos.

Os cuidadores são responsáveis ​​por prestar um serviço essencial de assistência e cuidado aos idosos, e é crucial que sejam devidamente treinados e acompanhados, garantindo que tenham empatia, paciência e capacidade para lidar com as dificuldades de cuidar de uma pessoa com Alzheimer.

Espera-se que o sistema de justiça apure esse caso e tome as medidas cabíveis para assegurar a proteção do idoso e a punição do agressor, para que situações como essa não se repitam. Além disso, é importante que a família e a comunidade estejam cientes da importância de denunciar qualquer forma de violência contra idosos, promovendo assim uma sociedade mais segura e inclusiva para todos.

Receba direto no celular as notícias mais recentes publicadas pelo site Repórter Beto Ribeiro. É de graça. Clique aqui e participe do grupo oficial Repórter Beto Ribeiro e fique por dentro de todas as atualizações.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Artigos Relacionados

OPERAÇÃO ADAGA VII: Homem é preso pela Polícia Militar por não pagamento de pensão alimentícia em Araras, SP

Diante dos fatos ele foi apresentado no plantão da Central de Polícia Judiciária, onde após...

ROMU realiza prisão em flagrante durante patrulhamento ostensivo na região leste de Araras, SP

Em revista pessoal foi localizado um celular Samsung, e ao averiguar a pochete que ele...

PM prende dupla que furtou óculos de banhista e descobre que ‘vítima’ era procurada com pena até 2044

Caso aconteceu em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Segundo a Polícia Militar, a...

Últimas Notícias