Governo Federal anuncia compra pública de leite em pó para amenizar impactos do aumento da importação

Os produtores de leite passam por momento delicado.

O aumento da importação de leite em pó, especialmente nos últimos meses, preocupa o setor lácteo, porque tem afetado a competitividade dos produtores brasileiros, especialmente dos de pequeno e médio porte.

Para se ter uma ideia, apenas entre janeiro a maio, a compra de leite em pó de outros países chegou a 78 mil toneladas, um volume cerca de 330% maior na comparação com o total importado nos cinco primeiros meses do ano passado

Para tentar aliviar os impactos ao setor, o governo federal vai comprar leite em pó de produtores nacionais. A compra de estoques do produto foi anunciada pela Companhia Nacional de Abastecimento, a Conab,

Serão destinados, ao todo, R$ 100 milhões para a aquisição, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos. O leite em pó adquirido pelo governo será destinado a pessoas em condições de insegurança alimentar e nutricional.

Outra medida para proteger o setor lácteo nacional é o aumento do imposto de importação de leite e derivados.

Com o aval da Câmara de Comércio Exterior, a alíquota passa de 12,8% para 18%, pelo período de um ano, para três produtos lácteos:  queijo de pasta mole e de pasta azul e óleo de manteiga.

Artigos Relacionados

Preços de refeições em restaurantes sobem 40,84%, mostra Procon-SP

Aumento da refeição self-service por quilo foi registrado de janeiro de 2020 a fevereiro de...

Pesquisa indica que 68% da população paulista faz compras online

Compras abrangem apenas 31% de quem ganha até um salário mínimo e 87% com renda...

Pequenas empresas geram 80% dos empregos formais no país, diz Sebrae

Setor abriu mais de 1,1 milhão de postos de trabalho no Brasil em 2023, quando...

Últimas Notícias