PUBLICIDADE

Influenciador desaparece no Natal e é encontrado enterrado e morto no quintal da casa de amigos em SP

Carlos Henrique Medeiros tinha 26 anos e foi encontrado morto, no sábado (30), enterrado no quintal da casa de um casal de amigos em Itapecerica da Serra. Homem e mulher que moram na residência foram presos temporariamente. Polícia Civil investiga se influenciador foi assassinado ou se teve morte acidental.

O influenciador digital Carlos Henrique Medeiros, de 26 anos, que estava desaparecido desde a noite de Natal, no dia 25 de dezembro de 2023, foi encontrado morto no último sábado (30), enterrado no quintal de vizinhos, em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo.

O casal que morava na residência teve a prisão temporária decretada pela Justiça a pedido da Polícia Civil por suspeita de envolvimento na morte de Carlos. A Delegacia de Itapecerica investiga se o influenciador foi assassinado ou se teve uma morte acidental.

De acordo com o delegado Luis Roberto Faria Hellmeister, titular da delegacia de Itapecerica, o homem e a mulher se apresentaram espontaneamente no domingo (31), quando contaram que Carlos usou drogas e teve um ataque cardíaco e morreu.

“O casal contou que o amigo teve uma overdose por cocaína e morreu. Aí ficou sem saber o que fazer e decidiu enterrar o corpo no quintal”, falou Luis Roberto, nesta segunda-feira (1º). “Mas só o resultado do laudo poderá apontar qual foi a causa da morte: se foi acidental por droga ou se ele foi assassinado”.

Segundo a investigação, inicialmente não havia marcas de violência, faca ou tiro no corpo de Carlos. “Se o laudo apontar que a morte dele foi acidental, o casal irá responder por crime de ocultação de cadáver. Se ficar comprovado que ele foi assassinado, o homem e a mulher responderão por homicídio”, disse o delegado.

O caso foi registrado preliminarmente como homicídio na Delegacia de Itapecerica da Serra e será encaminhado ao 1º Distrito Policial (DP) da cidade, responsável pela investigação, segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Carlos era conhecido como “Henrique Medeiros” nas redes sociais por gravar vídeos com “pegadinhas”“trolagens”, brincadeiras com outras pessoas. Seu canal no YouTube tem quase 1,8 milhão de inscritos.

Seu Instagram tem mais de 84 mil seguidores, onde também compartilhava fotos e vídeos pessoais, além do conteúdo que produzia para o YouTube. Henrique era torcedor do Palmeiras.

Artigos Relacionados

‘Se Deus não tivesse dado livramento, eles estavam mortos’, diz avó de menino atropelado na calçada

Motorista teria discutido com moradores da região e desceu com carro em alta velocidade, quando...

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA: Homem é preso pela Polícia Militar após agredir esposa durante discussão em Araras, SP

A mulher teve ferimentos na região do rosto e tórax. Ao ser indagado sobre as...

Homem responsável por abastecer pontos de tráfico de drogas é preso pela ROMU na região norte de Araras, SP

Durante a ação foram apreendidos 112 pinos de cocaína e 186 pedras de crack.Na noite...

Últimas Notícias