Jovem de 18 anos morre no litoral de SP após desmaiar durante relação sexual no chuveiro

Causa do óbito ainda não foi descoberta; nas redes sociais, o esposo da vítima prestou homenagem: ‘Quando fazíamos as pazes, voltávamos mais fortes e intensos, como na nossa última noite’.

A jovem Vitória Costa de Castro, de 18 anos, morreu na madrugada desta quinta-feira, 18, após desmaiar durante uma relação sexual com seu marido, de 19 anos. Veja abaixo o dizem os médicos.

O homem relatou à polícia que, após a primeira relação, teria ido tomar banho e chamado pela jovem. Em uma segunda transa no chuveiro da residência, localizada em São Vicente, no litoral de São Paulo, Vitória teria dado um suspiro e desmaiado. P

edindo socorro, o esposo ligou para o sogro, que foi rapidamente ao encontro do casal. Chegando ao local, o pai da vítima acionou a Polícia Militar (PM) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas Vitória já estava sem vida.

O resgate atestou a morte, mas não sua causa. De acordo com a polícia, a vítima não possuia marcas de agressão. A estudante havia sido mãe recentemente, o bebê tem apenas dois meses de vida.

Vitória não fumava, bebia ou usava drogas, conforme o depoimento de seu pai à Polícia Civil. A Delegacia Sede de São Vicente registrou a morte como suspeita e encaminhou a investigação do caso ao 2º DP do município.

Nas redes sociais, Christian Figueiredo, seu esposo, publicou uma homenagem à jovem. “Amor, não tenho palavras para expressar o que estou sentindo. A ficha ainda não caiu, foram um ano e cinco meses intensos ao seu lado. Faz cinco meses que te pedi em noivado e, quando você aceitou, fiquei tão feliz. Você ficou grávida, nossa princesinha nasceu e resolvemos morar juntos neste último mês. A saudade bate forte e já não sei o que é viver sem você, sem o seu carinho, seu abraço e as nossas brigas. Quando fazíamos as pazes, voltávamos mais fortes e intensos, como foi nossa última noite. Sempre te amarei, minha branquinha”, escreveu na legenda da postagem.

O que dizem os médicos?

O médico cardiologista Luiz Claudio Behrmann Martins, que atua na Santa Casa de Santos e é membro do grupo Arritmia Med, explicou que é possível morrer durante uma relação sexual e, por isso, são necessários cuidados.

“É possível sim. Isso pode ser causado porque você pode ter uma morte súbita secundária causada pelo excesso de esforço físico. Apesar disso, é incomum que aconteça em pessoas com menos de 35 anos. Mas há outras patologias que poderiam estar associadas ao mal súbito”, finaliza.

* Com informações da Jovem Pan

Artigos Relacionados

Ônibus invade posto de combustíveis, bate em caminhão estacionado e deixa 14 pessoas feridas em Limeira, SP

Segundo a prefeitura, nenhuma das vítimas corre risco de morte e quatro tiveram ferimentos graves....

Casal de idosos que morreu em acidente na Rodovia Wilson Finardi será enterrado em Conchal, SP

Antônio e Izabel Malvezzi estavam em um carro que bateu de frente com outro veículo....

TRÁFICO DE DROGAS: Homem é preso pela Polícia Militar na região norte de Araras, SP

Durante busca pessoal foi localizada uma sacola plástica com 39 pinos de cocaína, 6 porções...

Últimas Notícias