Polícia Civil identifica homem que utiliza inteligência artificial para criar ‘nudes’ falsos e material pornográfico de mulheres

Quatro mulheres denunciaram o caso na Polícia Civil.

A Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Marília (SP) identificou o homem acusado de ter feito o uso criminoso de inteligência artificial para fazer montagens pornográficas de quatro mulheres e, depois, compartilhado as imagens nas redes sociais.

De acordo com a DDM, as vítimas procuraram a Polícia Civil após se depararem com imagens de teor pornográfico publicadas na internet em que seus rostos tinham sido inseridos por meio de manipulação digital. A prática é conhecida como deepfake.

Nesta terça-feira (14), os policiais cumpriram um mandado de busca e apreensão na casa do homem de 34 anos. No local, que fica na zona sul de Marília, foi apreendido o celular que teria sido usado para fazer as publicações, em rede social, por meio de um perfil fake. O aparelho será submetido a perícia para verificar se há outras montagens e vítimas.

O investigado vai responder processo-crime pelos delitos de montagem e compartilhamento de cenas de caráter íntimo, além de falsidade ideológica em razão do uso de dados falsos para criação de perfil fake nas redes sociais.

Segundo a delegada responsável pelo caso, Viviane Yoneda Sponchiado, desde 2018, é crime no Brasil realizar montagem em fotografias, vídeos ou outros registros com a finalidade de incluir uma pessoa em cena íntima ou de nudez. Ela explica que o compartilhamento deste material sem o consentimento da vítima também é crime.

Segundo a autoridade policial, as penas somadas podem chegar a seis anos de prisão, existindo ainda agravantes que podem aumentar a pena.

Artigos Relacionados

19/04/24 – PLANTÃO POLICIAL com o Repórter Beto Ribeiro

  O Café Júnior – Um primor de café desde 1945, traz as principais notícias policiais...

Polícia Militar encontra moto roubada após denúncia em Araras, SP

Feita consulta pela numeração do chassi, constou que ela havia sido roubada na noite de...

Prefeito Pedrinho Eliseu coloca Guarda Civil Municipal em área do antigo aterro; ele acredita que incêndio no local foi criminoso

Durante a madrugada desta quarta-feira (17), moradores registraram cenas de um incêndio de grande proporção...

Últimas Notícias