Auxílio-Doença do INSS: Como solicitar e entender o benefício?

O auxílio-doença pode alcançar um valor máximo de R$ 2.220,00, dependendo do salário de contribuição do segurado. O site Repórter Beto Ribeiro foi consultar os advogados Antônio Carlos Fernades e Kléber Luzetti, especialistas em direito previdenciário.

auxílio-doença é um direito de todo trabalhador brasileiro que se encontra incapacitado para o trabalho por motivos de saúde. Devido à importância desse benefício, muitos trabalhadores têm dúvidas sobre como proceder para realizar a solicitação e entender os critérios utilizados pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Qual é o valor do auxílio-doença?

O auxílio-doença pode alcançar um valor máximo de R$ 2.220,00, dependendo do salário de contribuição do segurado. Este benefício é calculado com base em 91% da média dos últimos 12 salários de contribuição. Além disso, é essencial compreender que o pagamento só inicia após os primeiros 15 dias de afastamento, período que fica sob responsabilidade do empregador.

Como funciona o auxílio-doença?

Este benefício é concedido aos trabalhadores que, após perícia médica realizada pelo INSS, são considerados inaptos temporariamente para o exercício de suas atividades laborais. Não há um período máximo definido para o recebimento do auxílio, desde que a incapacidade seja comprovada pelas avaliações periódicas.

Como solicitar o auxílio-doença?

O processo de solicitação do auxílio-doença foi simplificado com a introdução do sistema Atestmed, que permite a realização da perícia médica de forma digital. Abaixo, segue um guia prático:

  1. Acesse o portal ou aplicativo Meu INSS e faça login com sua conta Gov.br.
  2. Clique em “Novo requerimento”.
  3. Procure por “Benefício por Incapacidade Temporária” e selecione essa opção.
  4. Preencha os campos solicitados com as informações requeridas.
  5. Siga todas as instruções fornecidas pelo sistema.
  6. Na seção “Dados Adicionais”, inclua as informações do documento médico como data de emissão e início do repouso recomendado.
  7. Anexe os documentos exigidos, como identidade e atestado médico.
  8. Escolha a agência do INSS para o recebimento do benefício, se necessário.
  9. Finalize seu pedido e aguarde a análise.
Este procedimento é vital para garantir o sustento durante o período em que o trabalhador estiver impossibilitado de exercer suas atividades profissionais por questões de saúde.

Por que é importante entender e usar corretamente o auxílio-doença?

Entender e utilizar o auxílio-doença de forma correta não apenas facilita o acesso ao benefício, como também assegura que o trabalhador possa se recuperar adequadamente sem preocupações financeiras adicionais durante seu período de inaptidão laboral.

Artigos Relacionados

Aprovada em processo seletivo perde vaga ao contar gravidez: entenda por que atitude da empresa é ilegal e o que fazer

Ana Gabriela, de 33 anos, descobriu a gestação enquanto estava em busca de um novo...

Adolescente de 12 anos morre enquanto esperava atendimento médico no interior de SP

Santa Casa de Casa Branca (SP), informou que paciente chegou com sintomas leves, mas quadro...

Cobra sucuri de 4 metros é flagrada atravessando estrada rural na região

Animal foi registrado por autônomo e seu padrasto que estavam a caminho de sítio, entre...

Últimas Notícias